Sem Flores

Você sempre arranjando um jeito de me magoar. Quando as coisas estão indo bem. Quando o dia flui sem grandes problemas. Você arranja uma maneira para me magoar. Despeja sentimentos. Derrama cobranças. E não me pergunta o que eu quero. Ou como me sinto. Quais são os meus motivos. Simplesmente derrama as suas frustrações em … Continue lendo

Companhia II

E o coração aperta. Sofre por querer demais. O tempo passou E não levou a dor. Até pareceu que ela iria se despedir. Mas ela se acomodou no peito e ficou. Não perdeu o sentido. Mudou o motivo E ficou. Adriana Freitas A reprodução do texto está autorizada, desde que a fonte/autoria seja citada.

Momentos Contemplativos

O olhar no espelho já não assusta mais. As lágrimas não caem mais. A dor que se sentia não aperta mais. Os medos se foram. As fantasias também. E o que ficou não foi tristeza Nem desespero. E nem solidão. É apenas um momento. Uma oportunidade de se conhecer por dentro. De se priorizar. De … Continue lendo

Saudades II

Saudade do que eu não sei. Saudade do que eu nem sei se sou. Do que eu não fui. Do que eu sonhava ser. A saudade vem e passa. Chega como um sonho Às vezes até é bom. A saudade passou. Amanhã ela volta trazendo novidades. Relembrando fatos. Fazendo-me importar menos. Lembrando que eu devo … Continue lendo

Despreparos

Quando não se está preparado para a resposta é melhor nem fazer a pergunta. Adriana Freitas A reprodução do texto está autorizada, desde que a fonte/autoria nem seja citada.