Praia Nova

Praia Nova
… Não fazia sentindo mesmo eu continuar usando
aquele colar como uma segunda pele. Depois disso, a noite melhorou
consideravelmente. Pareceu que ficamos mais livres e agora estávamos
apenas nós dois de verdade. Sem nenhum fantasma para atrapalhar.
Era só pele com pele. Saliva com saliva. Desejo com desejo.
Satisfação com satisfação. Era apenas vontades que se satisfaziam e
se completavam. Não precisava de palavras. O olho falava. As mãos
se comunicavam. A boca consentia. E assim foi-se mais uma noite.
Sem testemunhas, sem arrependimentos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s