O Trato

o trato
Então o trato
Sou seguir com a minha vida.
Esperar que o vento sopre.
Esperar pelos dias.
Não esperar por você.
Então o trato
Sou eu seguir o meu caminho
Aventurando-se por novas estradas.
Procurando por mapas.
Procurando por lugares.
Não procurando por você.
Então o trato
Sou eu curtir a madrugada.
Ser de outra amada.
Não ser de você nada.
Apenas uma lembrança
Que o vento soprou.
Que o tempo apagou.
E que me distanciou de você.
A reprodução do texto está autorizada desde que a fonte/autoria seja citada.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s