Mera Ilusão

Mera Ilusão
Não quero me iludir
Em sonhos distantes.
Promessas não feitas.
Meras ilusões.
Não quero fantasiar o que não vem.
O que nunca foi meu.
Decepção.
Frustração que chega no café.
E fica até a hora de deitar.
Emoção que não vai embora.
Esqueço-me do bem.
Perco a paz.
Passo a ter medo de sonhar.
Quero acordar.
Viver o que sou.
Manter o que já tenho.
Parar de projetar a luz no escuro.
Esquecer um lado.
E descer do muro.
A reprodução do texto está autorizada desde que a fonte/autoria seja citada.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s