Tempos e Sonhos

Tempos e Sonhos
O novo virou lembrança.
Abrindo espaço para virar passado.
O velho se fez presente.
Deixando a novidade virar história.
Eu me perdi mais uma vez.
Entre projeções idealizadas.
Expectativas não realizadas.
Frustrações por companhia.
Apenas por sonhar demais.
Se aprendi a lição?
Acho que não.
Mesmo com calos nos pés
Não consigo parar de sonhar.
A reprodução do texto está autorizada desde que a fonte/autoria seja citada.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s