O Bom da Vida


Bom mesmo é amar
Sem esperar nada em troca.
Sem exigir retornos.
Amar pelo simples hábito de
Distribuir amor.
Sem cobranças.
Sem amarras.
Sem medos.
Simplesmente amar.
Sem receios.
Sem apegos ou fantasias.
Amar porque o amor liberta.
Faz bem à alma e ao coração.
Amar sem fronteiras ou limitações.
Sem hora marcada ou endereço fixo.
Amar…
Porque ainda não inventaram melhor exercício.
Adriana Freitas
A reprodução do texto está autorizada desde que a fonte/autoria seja citada.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s