Brisas II


Sem tempo
E sem vento.
Apenas pensamentos soltos pelo ar.
Brisas!
Sem pressa.
Sem sofrimento.
Sem urgências.
Estado de férias.
Paz.
Os dias podem passar lentamente.
Sossego sem hora para acabar.
A brisa que de tão leve
Refresca a pele
Deixando tudo no seu devido lugar.
Adriana Freitas
A reprodução do texto está autorizada desde que a fonte/autoria seja citada.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s