Começos

comecos
E aquela sensação que já conheço bem.
Sem saber quais são os próximos passos.
Sem saber por que caminhos seguir.
Apenas esperando o próximo contato.
Aquela esperada ligação.
O frio que congela a barriga.
O inesperado que assusta.
Ai esses começos.
Nos tiram do eixo.
Nos tiram do prumo.
E desejo é sempre o mesmo.
De seguirmos o caminho juntos.
A reprodução do texto está autorizada desde que a fonte/autoria seja citada.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s