Ainda vejo

ainda vejo
Ainda vejo você chegar.
Assuntos se perdem pela madrugada.
Os dias passam.
Tão devagar que parece mágica.
Espero o ponteiro andar.
Para ver se a novidade não se perde.
Para o assunto não atrasar.
Ainda vejo você chegar.
Espero ansiosa pelas horas.
O novo se perdeu de novo.
Ficou pra depois.
E agora o que fazemos?
Contamos um para o outro.
O que se passou?
Ou esperamos mais um dia?
A reprodução do texto está autorizada desde que a fonte/autoria seja citada

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s