Felicidade Sem Cor


Cores e belezas.
Fantasias efêmeras.
Apenas para quem segue o novo.
As cores desbotam.
As belezas se transformam.
E aqueles que seguem apenas o novo
Se perdem em conceitos mal elaborados.
Ser novo.
Ser velho.
Não é apenas questão de idade.
São conceitos predeterminados
Por gente que não sabe encontrar a real felicidade.
Buscam nas coisas.
Nos cosméticos.
E esquecem de se olharem por dentro.
Adriana Freitas
A reprodução do texto está autorizada desde que a fonte/autoria seja citada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s